Exmo. Sr.

Vereador Jocelino Tavares

Presidente da Câmara Municipal de

MANDAGUARI – PR.

A Vereadora que abaixo subscreve, MARCIA SERAFINI CASSIANO DA SILVA, com assento nesta Casa de Leis e no uso de suas atribuições legais, vem respeitosamente requerer a Vossa Excelência, após ouvido o soberano Plenário, se digne oficiar o Chefe do Executivo Municipal pleiteando o seguinte

  1. Solicitar a Secretaria de Saúde informações sobre as providencias tomadas referente ao requerimento nº 011/2017 de autoria da Vereadora Marcia Serafini aprovado nesta Casa de Lei sobre a implantação do Ambulatório de Ferida para o “Atendimento ao Portador de Ferida Crônica” em uma Unidade Básica de Saúde ou outro local apropriado, cuja característica será assistencial do cuidado. Tem por objetivos efetuar o atendimento e acompanhamento dos portadores de ferida crônica visando à cura e reabilitação dos mesmos, a fim de estabelecer condutas para a cicatrização das feridas (com uso materiais e tratamentos avançados com melhor resposta de cura) como também, orientar e estimular mudanças de hábitos que comprometam o estado de saúde das pessoas assistidas pelo Sistema Único de Saúde;
  2. Requisitar a implantação de um Centro de Atendimento a Gestante Municipal, que visa à facilidade para o atendimento de consultas obstétricas, ginecológicas, exames de rotinas, especializados como: ultrassonografia de rotina, doppler, morfológico e apoio psicológico, nutricional, de enfermagem, imunização, amamentação e outros que  se fizer necessários, com o objetivo de garantir a qualidade, conforto, segurança e bem estar das gestantes. Facilitando o acesso ao pré-natal em tempo oportuno, com melhores resultados de acompanhamento e avaliação da assistência prestada;
  3.  Requisitar a Secretaria Municipal de Saúde a convocação de agentes comunitários de saúde classificados no concurso público já realizado, para suprir as microáreas descobertas das Equipes Saúde da Família - ESF, com a finalidade de fortalecer as ações de prevenção e promoção em saúde das pessoas e famílias assistidas.     

                                                    Nestes termos, pede deferimento.

Mandaguari, 13 de abril de 2018.

                                                         Marcia Serafini Cassiano da Silva